Imobiliária no jaguaré Oliver Marques


Resultado de imagem para jaguare foto atual do bairro

Jaguaré venha conhecer este bairro.



E é no bairro do Jaguaré que a cidade tem um monumento muito curioso e que é conhecido por poucos paulistanos: O Mirante do Jaguaré. Mas antes, vamos conhecer um pouco da história do bairro.

O JAGUARÉ

Fundado oficialmente em 1935, a região já era vagamente habitada em seus arredores desde o início do século xx. No entanto, a região compreendida como Jaguaré era uma grande fazenda de 165 alqueires que pertencia à Companhia Suburbana Paulista, fundada por Ramos de Azevedo e que executava loteamento de terras pela cidade.

No ano 1935, a fazenda é adquirida pelo empresário e engenheiro Henrique Dumont Villares (sobrinho e afilhado de Santos Dumont) que vislumbrou um projeto de urbanização, que basicamente dividia a região de maneira ordenada em áreas residenciais, comerciais e industriais que eram geridas pela Sociedade Imobiliária do Jaguaré criada por Villares. O nome Jaguaré vem de um ribeirão da região, que nascia em Osasco e desembocava no rio Pinheiros e que foi canalizado quando o bairro começou a ser urbanizado.

O Jaguaré no início dos anos 1940: Organizado e pacato

Depois de loteado e ocupado o grande entrave para o desenvolvimento do bairro era o Rio Pinheiros, que era uma grande barreira natural e que limitava o tráfego de pessoas e também impedia o pleno desenvolvimento industrial da região. Para resolver este problema, em 1940 Henrique Dumont Villares faria uma doação de 700 Réis à Prefeitura de São Paulo para que pudesse então ser construída a Ponte do Jaguaré, que seria inaugurada somente em 1947 ligando o bairro com as regiões da Vila Leopoldina e Lapa. Era então o grande início do desenvolvimento do bairro não só como residencial, mas principalmente como um pólo industrial.

Curiosidade: A Ponte do Jaguaré original foi substituída em 1991 pela ponte atual, mas ela não foi completamente demolida. A parte central da ponte velha, sobre o Rio Pinheiros, está ao lado da ponte nova até hoje, bem como algumas outras pontes antigas localizadas na região do Rio Pinheiros.

O Mirante do Jaguaré:

Principal símbolo do bairro, o mirante, que é  bem mais conhecido popularmente como “Farol do Jaguaré” começou a ser construído no início dos anos 40, sendo inaugurado em 1943. Henrique Dumont Villares ergueu a torre após uma viagem à Europa onde, dizem, teria tido uma inspiração. Construído no ponto mais alto de suas terras no Jaguaré, o mirante tem 28 metros de altura.

Alguns rumores não confirmados dizem que a principal razão de tê-lo erguido foi o fato de Henrique Dumont Villares pensava que o Rio Pinheiros fosse navegável, com a torre servindo então como um farol de orientação. Do alto do mirante é possível contemplar uma boa parte da Cidade de São Paulo e especialmente áreas mais próximas como a Vila Leopoldina e a Cidade Universitária.

A demora do poder público em providenciar o tombamento do mirante e de seus arredores trouxe danos irreparáveis à memória do bairro do Jaguaré. Nos anos 1990 o edifício que foi construído em frente ao Mirante praticamente tampou a vista do mesmo para quem trafega na Marginal Pinheiros. Somente em alguns ângulos ainda é possível vê-lo. A partir do alto do Mirante, o mesmo prédio comprometeu parte da vista que o mesmo proporciona aos seus visitantes.

No bairro, a grande parte das construções residenciais erguida entre os anos 1930 e 1940 foram completamente desfiguradas. Percorrendo o bairro, só encontramos algumas poucas sem modificações e apenas uma residência absolutamente preservada. O tombamento só viria pelo CONPRESP em 2002, quando já não havia muito mais o que ser preservado no Jaguaré. Hoje não é mais possível erguer prédios altos que impeçam a vista do mirante.

O MIRANTE HOJE:

No geral o mirante/farol está bem preservado, mas é preciso mais atenção e uma manutenção constante. À noite ele fica aceso e pode ser observado de alguns pontos da Lapa e da própria marginal do Rio Pinheiros. 

Hoje no bairro do Jaguaré conta com toda comodidade de Shopping Continental, Extra 24 horas. Atacadista Assai, Loja da Perdigão, Hortifrúti Peg Pese, McDonald's entre outros  um bairro que cresce a cada dia.                              

   

Na Oliver Marques imobiliária no jaguaré aqui você encontra casas, apartamentos, terrenos e salão para vender e alugar em nossa região.

Desde 5/09/2000 fazendo bons negócios.